Bariloche, Argentina

Bariloche, Argentina viagens argentina

Uma das cidade mais visitadas por brasileiros que vão de viagem a Argentina, San Carlos de Bariloche está localizada em uma posição privilegiada, próxima a cordilheira dos Andes (a 770 metros acima do nível do mar), com montanhas nevadas, lindos lagos e uma natureza exuberante, e também próximo ao Chile, do vulcão Osorno, Puerto Montt e o oceano Pacífico.

Muita gente vem através de pacotes turísticos, comprados no Brasil, mas vem crescendo a quantidade de pessoas que viajam por conta própria, escolhendo todos os passos de sua viagem. Pensando nessas pessoas, separamos, a seguir, algumas dúvidas frequentes sobre Bariloche:

COMO CHEGAR:

De avião:

Pelo aeroporto internacional de Bariloche, que fica a 13 km da cidade. As empresas que operam são
Aerolineas Argentinas, Aeropuertos Argentina 2000, Austral, Lade e Lan.

Para quem vem do Brasil, é comum uma conexão em Buenos Aires, a 2 horas de Bariloche. Confira no box abaixo, opções e preços de passagens:


Bariloche, Argentina viagens argentina

De carro:

Bariloche se encontra a cerca de 1640 km de Buenos Aires, o que a torna uma viagem bastante longa. Para os que desejam viajar de carro, sugerimos a página do Ruta 0, que traça rotas em toda a Argentina, informando a quilometragem, tempo de viagem, além de outras informações.

Confira também o quadro de distâncias desde Bariloche.

De ônibus:

A rodoviária fica a 3 km do centro e várias linhas de ônibus param na cidade, feitas por diversas empresas.

De ônibus de Buenos Aires a Bariloche é uma viagem um tanto longa, de cerca de 22 horas, mas que pode ser feita pelas empresas Andesmar, Chevallier, Crucero del Norte, Turismo Parque e Via Bariloche. Quem optar por essa viagem, a partir de 615 pesos (julho/2012), o melhor a fazer é consultar preços atuais e horários nas páginas das respectivas empresas.

Outra opção, é consultar o site da rodoviária de Retiro, em Buenos Aires, ou o site Plataforma 10, que vende passagens rodoviárias para todo o país.

De trem:

É possível chegar a Bariloche de trem pela cidade de Viedma, quase no litoral argentino, pelo Trem Patagônico. A rota também passa por San Antonio Oeste e Ing. Jacobacci.

Para quem deseja ir de trem de Buenos Aires para Bariloche informamos que da capital é possível ir somente até Bahia Blanca, que é relativamente próxima a Viedma, de onde sai a linha que mencionamos acima.

Na página da empresa é possível conferir horários e tarifas: www.trenpatagonico-sa.com.ar/

De barco:

Também é possível chegar a Bariloche por barco, através da cidade de Puerto Varas, no Chile. Por cerca de US$ 280,00 (ida), a viagem de intercala barcos e ônibus, pode durar um ou dois dias de viagem, atravessando os andes por paisagens maravilhosas.

Para informações sobre como chegar de barco a Bariloche, consulte www.cruceandino.cl/

Bariloche, Argentina viagens argentina

CLIMA:

No verão os dias são quentes e ensolarados, com noites frescas, escassas chuvas e ventos predominantes do sudeste. Os dias são longos, anoitecendo perto das 22hs. A temperatura média é de 18º C, com máximas de 29ºC e mínimas de 9ºC.

No outono os dias são frescos – temperado com noites frias. A temperatura oscila de 4ºC a 13ºC. Nesta época predominam as chuvas.

No inverno os dias são muito frios com abundantes precipitações de neve. As temperaturas oscilam entre 8ºC e -10ºC. A partir de meados de junho começa a temporada de neve em Bariloche, que vai até setembro.

A primavera tem dias frescos que começam a ficar mais longos e a elevar paulatinamente a temperatura. As noites são frias, mantendo durante o dia temperaturas que oscilam entre 7ºC e 20ºC até o final da temporada.

Para previsões do tempo, como a temperatura em Bariloche, consulte a Previsão do tempo na Argentina.

HOSPEDAGEM:

Bariloche não é uma cidade propriamente barata, o que pode piorar em altas estações. Um dos quesitos que podem baratear consideravelmente uma viagem é quanto a hospedagem. Montamos um mapa de albergues (hostels), para facilitar a vida de quem pretende fazer uma viagem mais econômica e divertida.


Ver Hospedagem em Bariloche en un mapa ampliado

PASSEIOS E ATIVIDADES

Quem vem de viagem a Bariloche, pensa principalmente na prática de esqui, restrita ao inverno, mas a cidade oferece muito mais. Cavalgadas, caminhadas (trekking), rafting, passeios de bicicleta, pesca, mergulho, escalada, montanhismo, travessias 4×4, parapente, além de diversas excursões pela região e sua espetacular paisagem, a cidade pode surpreender, o ano todo.

Nos próprios hotéis ou hostels é possível comprar diversos tours na região. Nas ruas também não faltam agências de turismo onde podem ser compradas.

Muitos passeios não se limitam apenas a cidade de Bariloche, podendo passar pelas vizinhas Villa la Angostura, San Martín de los Andes e Junín de los Andes. Para aqueles que tem um pouco mais de tempo, a sugestão é se aventurar pelo Chile, especialmente a Puerto Varas, ou seguir um pouco mais o sul (130 km) para a cidade de El Bolsón.

Mas a grande dica é baixar o Manual Turismo Jovem & Aventura, do sítio de turismo de Bariloche. Nesse documento (em espanhol), se pode conferir dados sobre uma infinidade de opções turísticas na cidade, além de informações de hospedagem, centros de esqui, como chegar e que mês estão disponíveis.

Na cidade, consulte o centro de Informes Turísticos, no Centro Cívico, aberto diariamente de 9 a 21 horas. Telefone: (0054 294) 4429850

Confira outros artigos sobre Bariloche e região:


Deixe uma Resposta.

Projeto Latinoamérica