Florencia Bernales e Henry Burnett: Interior

A poucos dias conheci uma página, que não é tão nova assim, chamada ‘Um que tenha’ (hoje infelizmente está fora do ar). Coloquei em meus favoritos, indiquei para amigos no twitter e, até agora, não consegui explorar tudo o que tem lá.

O ‘Um que tenha’ trata basicamente de música brasileira mas, com atenção, podemos encontrar algumas surpresas interessantes. Como a de uma argentina e um brasileiro com nome de inglês. Florencia Bernales e Henry Burnett: um encontro menos inusitado do que certeiro.

O disco se chama ‘Interior’, de 2007, onde as músicas são em cantadas em português, na maior parte por Florencia e seu leve sotaque. Henry Burnett entra com um instrumental de primeira e cantando em algumas faixas. O trabalho nos faz acreditar que encontros musicais, entre brasileiros e outros latino-americanos, são a prova de erro. Nossas diferenças perecem casar com muita facilidade.

Apesar de memorável, foi o único trabalho dos dois artistas juntos. As músicas desse disco, como de seus trabalhos individuais,  podem ser conferidas no MySpace dos músicos ou baixando o disco pelo sítio ‘Um que tenha’.

Na internet:
MySpace: Florencia Bernales.
MySpace: Henry Burnett.
Blog de Henry Burnett.


3 Comentários
  1. olá,

    escrevo para agradecer suas palavras gentis e elogiosas; para mim, sensações desse tipo justificam a feitura de coisas como o “Interior”. Infelizmente não conseguimos tocar juntos pela A.L. era um grande desejo meu.

    Abraços
    Henry

  2. Oi Henry, não imaginava que isso chegaria até vocês tão rápido. Fico muito feliz por seu retorno. Realmente gostei muito desse trabalho.

    Se quiser corrigir alguma informação, fique a vontade.

    Grande abraço

    Rodrigo

  3. Oi Rodrigo,

    não há nada a corrigir, suas impressões são precisas.

    Encontrei ontem sua referência, e reitero que gostei muito das suas observações.

    Grande abraço

    Henry

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.