Imagens de Machu Picchu

Impossível pensar em América Latina e ignorar os povos pré-colombianos. Na América do Sul, uma cultura riquíssima se desenvolveu e construiu um vasto império, cuja capital era a cidade de Cusco, no Peru. Porém, foi em uma pequena cidade, na vertente oriental da cordilheira de Vilcanota, próximo a Cusco, que os Incas realizaram uma das mais belas construções que podem ser vistas em nosso continente.

Machu Picchu está tão bem localizada que nem mesmo os invasores espanhóis tiveram acesso a ela. Acredita-se que a cidade foi abandonada e, aos poucos, caindo no esquecimento, para ser redescoberta somente em 1911.

A Universidade de Yale, nos Estados Unidos, foi quem patrocinou as expedições dessa redescoberta de Machu Picchu. Mais de 40 mil peças, entre joias, esqueletos, estátuas e etc, foram levadas para a universidade e somente em 2012, depois de cerca de 100 anos fora do país, o governo peruano conseguiu que os objetos fossem devolvidos.

Machu Picchu é considerada patrimônio da Humanidade pela UNESCO.

projeto-machu-picchu01

Nas primeiras horas da manhã os ônibus começam a levar os visitantes para o alto.

projeto-machu-picchu02

projeto-machu-picchu03

projeto-machu-picchu05

projeto-machu-picchu06

projeto-machu-picchu07

projeto-machu-picchu08

El templo de las tres ventanas

projeto-machu-picchu09

projeto-machu-picchu10

O surpreendente encaixe das pedras é uma das características das construções Incas.

projeto-machu-picchu04

Veja também:

Puno e as ruínas de Sillustani Continuando nossa viagem pela incrível região do lago Titicaca, desde o lado boliviano, na cidade de Copacabana, até a cidade de Puno, no Peru, ou d...
Povos pré-colombianos foram os primeiros a alterar... Estudo inédito, liderado pelo Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa), divulgado hoje (02/03/17), revela que os povos pré-colombianos m...
Copacabana e a ilha do Sol, na Bolívia A 155 km de La Paz, nas margens do lago Titicaca (o lago navegável mais alto do mundo, a 3.840m), se encontra a pequena cidade de Copacabana, com ce...

Deixe uma resposta

Projeto Latinoamérica

Newsletter:

Insira seu e-mail: