San Ignacio Mini, Misiones

Reduções jesuíticas de San Ignácio Mini

A província de Misiones, na Argentina, é famosa pelas várias ruínas de Missões Jesuíticas do século XVII que possui. Fundadas por Padres Jesuítas da Companhia de Jesus, as missões foram construídas em território Guarani onde, hoje, é o sul do Paraguai, norte da Argentina e sul do Brasil. A mais visitada delas, em Misiones, é a de San Ignacio Mini, próxima a cidade de Posadas e da fronteira com o Paraguai.

San Ignacio Mini

O que podemos presenciar na atualidade, são ruínas, já que foram abandonadas por muito tempo, destruídas por invasões portuguesas e paraguaias e também vítimas de muitos saques.

Ruínas de San Ignacio Mini

San Ignacio

O Projeto Latinoamérica já havia passado pelas ruínas de Trinidad del Paraná, no Paraguai e, por último, em outra viagem, chegou a de San Ignacio Mini, umas das mais bem conservadas e declarada Patrimônio Mundial pela Unesco.

Como a cidade de San Ignacio é muito pequena e pouco atraente, o ideal é ter a cidade de Posadas como base, passando somete o dia em San Ignacio. Não que não existam hotéis em San Ignacio, mas Posadas é uma cidade grande e com muito mais estrutura. De Posadas, fica fácil para visitar outras missões, inclusive a da cidade de Encarnación, no Paraguai, do outro lado do Rio Paraná.

Maquete de San Ignacio Mini

Maquete de San Ignacio

No terminal rodoviário de Posadas se pode tomar um ônibus a San Ignacio. A distância é de aproximadamente 70 Km e a viagem dura cerca de 1 hora. Uma boa dica, é esperar formar um grupo para uma visita guiada, que está incluída no preço da entrada. Em menos de duas horas se faz todo o percurso com as explicações do guia.

Existem outros sítios para visitar, como o de Santa Ana, que fica próximo a San Ignacio e, infelizmente, não conhecemos. Quem sabe na próxima?

INGRESSOS*:

Estrangeiros: Ar$ 150,00
Latino-americanos: Ar$ 130,00
Argentinos: Ar$ 100,00

* Junho 2016

Na internet:




RelatedPost

1 Comentário
  1. ajudoou muito obg!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.